Microtopia

Bryan Feldman e Mariana Freitas

O ATELIER PUBICO da Microtopia nasceu a partir se um quarto em um cortiço, comprado para as pessoas que frequentarem ele sentirem o que é aquele local, analisar como é a vida cotidiana e os desafios a serem enfrentados ali. Com o projeto, A Microtopia foi aceita para realizar um estudo de gestão de 5 anos sobre o Parque da Aclimação (Projeto de Gestão Comunitária Microtopia. Estamos trabalhando com todas as problemáticas sociais, econômicas e ambientas que estão dentro do que chamamos π(pi) microtopia = 1km.

Cartaz Bienal 5

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Por meio do sociólogo e urbanista “Jeff Anderson”, foram credenciados pela Prefeitura de São Paulo à criação dos modelos Jurídico, Operacional, Arquitetônico e Econômico de gestão do Parque da Aclimação. Trabalharam e defenderam incansavelmente, desde o ano passado, a Gestão Comunitária. A atual gestão de São Paulo pretende privatizar a administração de PARQUES públicos, com fins de reduzir os custos de manutenção de dinheiro público, e passando para empresas privadas ou Fundações e OSCIPs (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) que cuidem desses locais. A microtopia propõe com a autorização dos órgãos públicos , a implementação de uma gestão comunitária e mais humana/participativa do parque aclimação.

A Microtopia é uma organização inovadora de urbanismo tático, com tecnologias nas áreas de design social, meio ambiente e educação, com o objetivo de alterar paisagens e comportamentos na cidade de São Paulo, com um raio de influência de um quilometro do Lago do Parque da Aclimação. O objetivo da organização é pesquisar, estudar, planejar e implementar projetos para a gestão de pequenos espaços públicos que estão degradados ou subutilizados, produzir possibilidades de trabalho, novas políticas e procedimentos a favor do desenvolvimento local, arborizando todo o perímetro de um raio de 1 quilometro de atuação, além de ativar o comércio e serviços de produção de arte, capacitar insumos para o paisagismo, implantar escolas comunitárias, inspirando e potencializando comunidades de forma com que elas consigam realizar seus projetos de forma autônoma, mesmo que sejam melhorias em micro espaço.

A ideia surgiu de um pensamento que analisa os grandes desafios diários enfrentados em São Paulo, sendo eles emprego, a mobilidade, a qualidade de vida, urbanidades e saúde que estão ameaçados. A resposta se apresenta por meio das falhas, novas possibilidades de adquirir autonomia, criando em conjunto novas formas de viver. Microtopia não é uma empresa, não possui patrimônios, nem dinheiro, é uma organização composta por trabalho, por amigos e comunidade.

m10

MICROTOPIA COM AS PRÓPRIAS MÃOS.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s