Architecture Lab – POR ANNA CAROLINE ATTAB E FERNANDA LEMOS

Image

Image

Image

Image

Sobre o Blog:

O objetivo do blog Arquitetura Lab, é fazer uma arquitetura mais conectada, e que reúne os arquitetos e designers de todo o mundo em busca das ultimas noticias arquitetônicas, ou que tenham a vê com isso, como projetos, produtos, eventos, entrevistas e concursos, dentre outras coisas.

O Blog começou em 2008,com o objetivo de informar os arquitetos de todo o mundo.

As seções principais existentes no blog são:

1 – Notícias : Disponibilizar  notícias sobre o meio ambiente, sobre construções, incluindo prêmios, artigos, leituras, planejamento urbano dentre outros.
2 – Projetos : desde residenciais, públicas, governamentais, escritórios de paisagismo, Hotéis .
3 – Competições e Eventos: o blog oferece as listas constantemente atualizadas de competições e eventos. 
4 – Vídeos e Entrevistas :possui entrevistas em vídeo,e vídeo também de eventos arquitetônicos. 
5 – Livros + Revistas

O Blog aparentemente é bem interessante, e atende a diversos temas envolvidos com a arquitetura e novidades do mundo hoje em dia,porém como o blog é muito diversificado neste sentido ele acaba deixando a desejar quando se quer aprofundar mais em alguma matéria postada.
O Blog oferece muitas fotos dos projetos que expõe, mas as informações sobre ele na maioria das vezes são poucas para o entendimento do projeto. Por isso ele pode ser considerado um bom blog como apenas o começo de uma pesquisa, é necessário pesquisar além dele para ter maiores informações sobre o projeto citado no blog.

Mesmo o Blog tendo essas pequenas restrições ele oferece muitas coisas interessantes, como você pode se cadastrar no blog e também publicar matérias, oferece ainda vários vídeos de entrevistas muito interessantes,  indicam livros e revistas, além de informar competições que estão acontecendo no mundo e eventos, tudo relacionado com o mundo da arquitetura.

Estúdio Schoot – Holanda

O estúdio se encontra em uma área verde na cidade de Oirschot, no sul da Holanda.

ImageImage

fonte: http://architecturelab.net

Projeto feito por Paulo Diederen,realizado no ano de 2008.

A maior parte das áreas comuns do estúdio foi colocado no primeiro andar, dando então uma maior vantagem para esse local por proporcionar uma vista panorâmica direta para a torre da igreja de Oirschot, e também voltada para a frente dos campos de esporte que existe em volta.

O uso das aberturas e conexões criou-se linhas de visão muito interessantes, que enfatizam o caráter amplo do edifício.

Image

fonte: http://architecturelab.net

Image

Planta terreo

Image

Planta primeiro pavimento

Image

Planta segundo pavimento

Image

Corte

Image

fonte: http://architecturelab.net

Pode-se notar muito bem o contraste que existe nas fachadas,no sentido norte-sul e leste-oeste, é claramente visível. Nas fachadas norte e sul se da ênfase a horizontalidade, as aberturas são feitas horizontalmente e transparentes,que devido a insolação estudada pelos arquitetos podem neste lado existir uma transparência maior sem afetar a qualidade do ambiente interno,enquanto as aberturas que são pequenas também devido a esse estudo ficam nas paredes laterais nas fachadas leste e oeste, proporcionando uma privacidade entre os escritórios, e um maior conforto térmico.

Image

fonte: http://architecturelab.net

No interiore existe uma passarela central,no qual esse hall central corre por toda a extensão do edifício, conectando todas as atividades no prédio,e através de escadas abertas com espaços vazios em todos os lados, cria-se uma ligação para o primeiro andar.

ImageImage

fonte: http://architecturelab.net

Existem ainda grandes paredes deslizantes que marcam a entrada da frente, no qual tem a função também de proteger o edifício a noite. A madeira utilizada para revestir as fachadas segundo o arquiteto com o tempo ficará cinza, proporcionando uma diálogo entre a natureza e o edifício ao longo do tempo.

ImageImage

fonte: http://architecturelab.net

Sede da Eneco – Rotterdam

Localização: Marten Meesweg Rotterdam, Holanda

Tipo: Escritórios

Arquitetos: Hofman Dujardin em colaboração com Fokkema & Partners

Cliente: Eneco

Áreas: 25,000 m²

Para a construção da sede da Eneco em Rotterdam – Holanda, os arquitetos Hofman Dujardin com colaboração de Fokkema & Partners, tem em foco desempenhar a liderança em energia sustentável para praticar o que a própria Eneco prega.

O edifício sofreu uma revolução para criar o ambiente de trabalho completo e perfeito para quem iria trabalhar lá, com energia solar, luz natural, vegetação interna e uma visão ampla de sustentabilidade onde o projeto de interiores foi bem completo. O design de interiores inteligente e eficiente no escritório que permite que o funcionário possa trabalhar de uma forma flexível em um ambiente aberto e dinâmico, sustentável e saudável.

Image

fonte: http://architecturelab.net

O centro do edifício é de um átrio central cercado por um centro de reunião cheio de luz com a recepção, salas de reuniões, áreas de reuniões informais, lounges, restaurante e um auditório.

Há placas solares na fachada sul e no telhado para acompanhar o sol durante o dia inteiro, absorvendo a quantidade máxima de energia solar.

As áreas de trabalho são projetadas para serem como “ilhas energéticas” sob luz branca. Algumas ilhas são espaços abertos e outros fechados para a privacidade, porem todos os ambientes executados com cores vibrantes e diversos materiais.

Image

fonte: http://architecturelab.net

No térreo são de cor vermelho, roxo e laranja, enquanto os do primeiro andar são em diferentes tons de verde para salas de reunião, e azul para os espaços de trabalho, o que faz reduzir a monotonia do ambiente de escritório e maximiza a criatividade eo potencial de pensamento inovador.

. Os funcionários são atraídos para estas ilhas pela diversidade de cores e materiais o que dão diferentes identidades para os ambientes. Este modo inovador de design reflete em um novo conceito de hospitalidade que se adapte as generosidades e no foco nas pessoas que a Eneco prioriza.

Logo na entrada os funcionários e visitantes tem uma visão clara do bar café central que não esta tão relacionado com a cor, mais sim com o piso de carvalho que faz uma sensação relaxante e convidativa. De lá pode-se ver  através do átrio cheio de luz todo o térreo e orientar-se. Deste grande centro também se pode notar três escadas principais convidativas para o primeiro pavimento.

Image

fonte: http://architecturelab.net

No térreo, as ilhas de reuniões têm o piso vermelho, tapetes roxos, bege e laranja, cadeiras igualmente coloridas e com um contraste calmo, há mesas de carvalho sutis. Para aumentar a diversidade do design, a iluminação é projetada para trazer tons ricos e texturas do espaço.

Ainda no térreo há o restaurante, com o teto e bancadas num tom escuro que dão um conforto pela louça branca brilhante. Para aqueles que preferem um assento na janela, há conjuntos de mesas brancas em um andar no terraço branco ao lado do núcleo negro do restaurante.

Image

Image

fonte: http://architecturelab.net

A abertura do primeiro andar mantém os funcionários em contato com o átrio central arejado e em contato também com o bar movimentado abaixo. No primeiro pavimento as cores variam entre verde e azul nas salas de reuniões e salas informais para trabalho. As escadas chegam a área que possui uma recepção e logo uma biblioteca juntamente com uma mesa de leitura. Por trás dessas salas está o auditório, projetado com tons escuros para criar um espaço tranquilo e intimista para apresentações.

ImageImage

fonte: http://architecturelab.net

O design criativo e econômico interior da sede do Eneco novo satisfaz dois dos princípios fundamentais da empresa: a sustentabilidade eo bem-estar dos funcionários.

Image

fonte: http://architecturelab.net

Image

fonte: http://architecturelab.net

Cerca de 2.100 funcionários que trabalhavam em outros lugares da rede Eneco foram reunidas para trabalhar neste edifício sede. Aqueles funcionários que precisarem viajar a negócios poderão fazer uso de carros elétricos disponíveis na garagem para redução de carbono. Além disso, os materiais dos moveis são ecológicos e carregam um selo sustentável.

O lixo é coletado separadamente para a reciclagem e descarte eficiente e a iluminação usa lâmpadas de energia LED em todo o edifício economizando uma grande quantidade de energia.

Há um estimulo para os funcionários irem trabalhar de bicicleta por ter um conjunto de chuveiros e bicicletário, e também o edifício é próximo a uma linha ferroviária, que pode ser então feito o uso de transporte publico.

Além de todo interior do edifício, nas paredes externas há o uso de muros verdes, o que traz o conforto térmico, purifica o ar e esta parede traz o mundo natural para o mundo construído, tendo paredes verdes no interior também.

ImageImage

fonte: http://architecturelab.net

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s